.

.

.

.

sábado, 28 de junho de 2008

12 - Quanta Grosseria

Pelo o amor de Deus, o que vi hoje foi revoltante. Sempre passo pela mesma rua quando preciso ir ao dentista e em um ponto específico da rua fica um senhor entregando folhetos para todas as pessoas que passam por ali. Eu mesma já peguei uns quinhentos rsrs! O que aconteceu hoje me deixou irritadíssima. Uma garota que estava na minha frente, passou pelo senhor que entrega folhetos, pegou o folheto e falou bem alto, em um tom bem esnobe: " -Denovo! Eu já estou fazendo coleção destes papeizinhos!" O senhor que entrega folhetos ficou quieto com um monte de pessoas em volta olhando para ele.
É o seguinte! Fazer esse tipo de trabalho ninguém quer (apesar de não ser nenhum trabalho de outro mundo). Já que ela sabia que aquele senhor estava ali entregando folhetos, ela que passasse pela outra causada pois, é como diz o ditado: -Os incomodados que se mudem! E se ela está fazendo coleção de folheto é porque ela quer, afinal, ele nunca obriga ninguém à aceitar seus folhetos. Como se não bastasse ele ter que ficar o dia inteiro entregando milhares de folhetos para as milhares de pessoas que passam por ali, agora ele vai ter que gravar o rosto de todo mundo que ele já entregou folheto também? Aquele é o ponto onde ele trabalha, se alguém estiver achando ruim, que reclame com o chefe dele, com a prefeitura, com o Lula, com o Pelé, com a rede globo, enfim...mas, destratar uma pessoa mais velha sem necessidade alguma, por motivos tão inúteis, fala sério, é o fim da picada! Esse foi o cúmulo da intolerância. Tem gente que reclama do stress...mas, tem gente que se deixa estressar...já vi pessoas em supermercados ou em qualquer outra loja, gritando com a pessoa do caixa só porque recebeu o troco em moeda...Ah! Por favor né, que besteira! O que me estressa é a falta de moeda, eu nunca tenho ao menos 1 centavinho no bolso para contar historia, no dia que essas pessoas estiverem sem dinheiro algum, aí sim, elas vão implorar por uma moedinha. Melhor receber em moeda do que não receber troco nenhum e é melhor ser abordado por um senhor simpático entregando folheto do que ser abordado, por exemplo, por um assaltante, não é verdade?! Se aquela garota trata os mais velhos que ele nem conhece desse jeito, imagine como ela deve tratar o pobrezinho do avô dela. Estúpida e sem educação!

Um comentário:

Anônimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado